fbpx

Sócios da LBCA fazem palestra sobre Inteligência Artificial na OAB

12 de setembro de 2019  |  Por Da Redação  |  LBCA
palestra sobre Inteligência Artificial na OAB

Os sócios da LBCA, Ricardo Freitas Silveira e Fabio Rivelli, realizam palestra sobre “O Direito e a Experiência da Inteligência Artificial”, na OAB de São Bernardo do Campo, no próximo dia 19 de setembro, às 19 horas, na Casa do Advocacia e da Cidadania – Rua 23 de Maio, 215, Anchieta, São Bernardo do Campo.

Freitas é advogado, mestrando em Direito e pós-graduado em gestão jurídica, empreendedorismo e inovação. Fundou startups jurídicas nas áreas de comunicação e mediação, dentre elas a lawtech Juspro, 1ª Câmara Privada de Mediação cadastrada pelo TJ-SP. É CDO ( Chief Data Officer) da LBCA e professor em cursos de graduação e pós-graduação da FIA  (Fundação Instituto de Administração).

Rivelli é  advogado, MBA pelo INSPER (Instituto de Ensino e Pesquisa) e pós-graduado cem Administração de Contencioso de Massa pela GVlaw (Fundação Getúlio Vargas/SP).

Inscrições no site da OAB-SBC: http://oab-sbc.org.br/

DIREITO E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Em artigo publicado no portal Conjur, Ricardo Freitas analisa em palestra os impactos da Inteligência Artificial no Direito. Para o especialista, o segmento jurídico será um dos mais impactados pela transformação provocada pela inteligência artificial.

“Primeiro, porque está baseado em informações. Contratos e processos carregam em si um gigantesco conjunto de dados, portanto, há matéria-prima. E segundo, porque os benefícios dessa tecnologia, como aumento de produtividade, economia e predição, atingem todos os agentes do segmento, com ênfase para os tribunais e os advogados”, afirma.

A inteligência artificial já tem sido utilizada pelos tribunais e demais órgãos públicos. Não se questiona mais “será que o Judiciário aceitará os robôs?”. O exemplo mais conhecido é o robô Victor desenvolvido pelo Supremo Tribunal Federal por profissionais da Universidade de Brasília (UnB).

Para contextualizar e provocar reflexões preliminares, confira aqui dez motivos para que seja feita uma real conexão entre o Direito, a tecnologia e a inteligência artificial.

Comentários

Comentários